Portal Yoga Brasil

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Rio de Janeiro Fique zen: Um roteiro para meditar no Rio

Fique zen: Um roteiro para meditar no Rio

Equipe Yoga Brasil

Cuidar da casa, participar de reuniões, estudar, freqüentar eventos sociais, preparar relatórios e ainda absorver um monte de notícias tristes sobre a cidade. Como se livrar do estresse provocado pelo ritmo intenso do dia-a-dia? Centros e escolas de meditação do Rio têm as opções mais variadas para quem deseja aliviar a tensão e conhecer melhor o corpo e a mente. O GLOBO ONLINE preparou um guia, para todos os gostos e idades, de espaços onde se pode conhecer essa tradição milenar que conquistou até os Beatles.

No Centro de Meditação Vipassana - Dhamma Santi, localizado no interior do município de Miguel Pereira, na Região Serrana do Rio, há cerca de 12 cursos ao longo do ano da técnica ensinada pelo Buda na Índia. Cada um dura dez dias e as turmas costumam ser formadas por 60 pessoas, divididas igualmente entre homens e mulheres. Quem quiser conhecer esse tipo de meditação precisa enfrentar um teste de absoluta resistência, que exige elevado condicionamento físico e mental. Isso porque o aluno deve passar dez horas por dia sentado na mesma posição, meditando, com o objetivo de desenvolver ao máximo sua concentração. Além disso, durante o período de retiro, é proibido trocar qualquer palavra com os outros participantes do curso. Silêncio total é a palavra de ordem.

Uma das salas de meditação Vipassana, em Miguel Pereira / Foto: Divulgação

As aulas são ministradas pelos professores-assistentes de S. N. Goenka, um indiano criado na Birmânia que aprendeu a técnica com U Ba Khin e a trouxe para o Ocidente. O custo do curso varia de acordo com quanto o aluno achar que valeram os ensinamentos. Ao final das aulas, ele dá a contribuição que julgar necessária. O dinheiro recolhido é usado para financiar a próxima turma e assim sucessivamente. Toda a equipe trabalha voluntariamente e é formada principalmente por ex-alunos.

Já no Instituto Nyingma, é preciso desembolsar uma boa quantia para desfrutar da ampla estrutura oferecida. Fundada há mais de quinze anos, a escola, localizada na Lagoa, dispõe de biblioteca, livraria, salões e jardim de meditação para estudo e prática dos ensinamentos do budismo tibetano. Um curso de meditação para iniciantes no próximo semestre, entre 8 de setembro a 1º de dezembro, custa R$ 965, incluindo um workshop. O yoga tibetano, chamado Kum Nye, pode ser aprendido pela mesma quantia, entre os dias 10 de agosto e 3 de dezembro. Todas as quantias podem ser parceladas. As aulas de meditação costumam durar uma hora e meia e são introduzidas por uma sessão de relaxamento. Segundo o curador do instituto, Claudio Moraes, a procura tem sido grande porque os resultados na vida cotidiana são notados rapidamente.

- Jovens e pessoas de mais idade procuram o instituto em busca de relaxamento e meditação. Nosso objetivo é que a pessoa reduza sua atividade mental e fique consciente de seus pensamentos sem, contudo, se ligar neles durante a meditação. Os resultados no cotidiano são rápidos - explica.

Meditação para gestantes: uma das técnicas que serão ensinadas no VI Congresso de Meditação do Rio / Foto: Divulgação

Quem quer gastar menos e ter contato com opções das mais variadas pode participar, nos dias 2 e 3 de agosto, do VI Congresso de Meditação do Rio de Janeiro, na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Quarenta profissionais da área vão expor diversos tipos de meditações, desde a dos cinco animais sagrados chineses até a da transmutação intra-uterina, para gestantes. O evento também vai contar com a participação de Klebér Tani, da Sociedade Internacional de Meditação Transcendental do Rio de Janeiro. Ele vai mostrar a técnica de meditação transcendental de Maharishi Mahesh Yogi, o guru dos Beatles. O ponto forte do encontro será o exercício das técnicas ao ar livre, um prato cheio para aqueles que detestam enfrentar horas a fio de palestras. A inscrição custa R$ 210.

Meditação também pode ser feita por conta própria, em casa ou nas áreas verdes do Rio

O mestre em meditação Pedro Tornaghi, um dos palestrantes do congresso, dá algumas dicas para quem quer iniciar na meditação em casa ou ao ar livre da cidade.

1) Acenda uma vela e deixe os olhos bem relaxados, sempre na direção da chama. Solte o ar lentamente com os olhos fechados e inspire com os mesmos abertos. O efeito é o mesmo se usada uma lâmpada azul de 15 watts. A atividade deve ser feita durante 15 minutos.

O mestre em meditação Pedro Tornaghi participa do VI Congresso de Meditação do Rio / Foto: Divulgação

2) Sentado, feche os olhos e repita a palavra "neingar" (um mantra da Índia) em voz alta, durante cinco minutos, com espaços de três segundos. Entre uma vez e outra, é importante escutar a reverberação do som. Passados os cinco minutos, passe mais cinco repetindo a palavra em voz baixa, até sussurrar. Nos próximos dez minutos, repita a palavra internamente. A finalidade do exercício é conseguir ouvir a palavra dentro de si, mesmo que ela não esteja sendo pronunciada.

3) Em uma banheira ou piscina, coloque as orelhas debaixo d'água e dê mais atenção ao barulho dos ouvidos do que ao pensamento. O mesmo efeito é obtido ao se colocar duas conchas no ouvido.

4) O método de meditação mais tradicional é aquele em que se presta atenção ao ar entrando e saindo do nariz até não se perceber mais os pensamentos.

O estudante Caio Ribeiro de Souza, de 23 anos, é um dos que gosta de praticar as técnicas em casa e nos espaços verdes do Rio, como o Parque Lage e o Aterro do Flamengo. A Lagoa Rodrigo de Freitas também é uma boa opção.

- Medito há cerca de sete anos e consigo mais equilíbrio, concentração e calma. Geralmente, vou sozinho para o Parque Lage ou para o Aterro e fico meditando durante meia hora - conta Caio.

Na Blyss Yoga, em Ipanema, é possível participar de 44 aulas diferentes de meditação / Foto: Divulgação

Para quem não é muito adepto à natureza, a escola Blyss Yoga, em Ipanema, oferece uma estrutura mais moderna, nos moldes de uma academia. A escola conta com mais de 800 alunos inscritos e uma equipe de 15 professores. É possível assistir a 44 tipos de aulas por semana pagando R$ 179 mensais. Para os interessados que só puderem freqüentar o local duas vezes por semana, há um plano de R$ 99 por mês. As aulas avulsas custam R$ 25, sendo a primeira gratuita.

Seguindo a mesma linha, o Espaço Nirvana, na Gávea, oferece Tai Chi Chuan (meditação em movimento), Pranayama com meditação (meditação com ênfase na respiração) e nirvana transcendental (auto-massagem e meditação no silêncio). O espaço costuma receber, inclusive, o público infantil. O pacote para praticar todas as atividades custa R$ 330 mensais.

Outra alternativa, também na Zona Sul, é a Fundação Arte de Viver, em Botafogo. Criado pelo indiano Sri Sri Ravi Shankar, o espaço tem como carro-chefe uma das mais poderosas técnicas respiratórias do yoga, o Sudarshan Kriya. A técnica é conhecida por utilizar ritmos específicos de respiração para eliminar o estresse, dar apoio a vários órgãos e sistema do corpo, transformar emoções opressoras e recuperar a paz mental. Tânia Neves, que fez o curso quando Ravi Shankar veio ao Rio, em maio, aprovou:

Alunos da Fundação Arte de Viver aprendem uma das mais avançadas técnicas de respiração contra o estresse / Foto: Divulgação

- A técnica de respiração é fantástica. Quando se passa a praticá-la todos os dias em casa, depois de fazer o curso, o dia-a-dia deixa de ter aquele peso absurdo de antes. Penso melhor, tenho mais criatividade e sorrio mais. O barato maior é ver a variedade de pessoas. Há profissionais liberais, intelectuais, estudantes e empresários.

O curso tem carga horária de 20 horas e dura seis dias. O custo é de R$350, mas quem puder pagar 15 dias antes da realização das aulas recebe um desconto de R$ 70. Para estudantes de até 25 anos que estejam cursando uma faculdade, o preço é de R$ 245. A fundação também oferece ensinamentos gratuitos sobre meditação aos domingos.


 

Receba novidades





revista-vedanta

Dê uma mão!

de-uma-mao

Gostou do Portal?
Apoie esse projeto independente através de compras na nossa Loja ou clicando nos links patrocinados abaixo: